Plano de aula: veja a importância dele para aulas EAD

Quinta, 7 de Janeiro de 2021  .  Leitura: 2 minutos

Um dos documentos mais importantes para o professor é o plano de aula. Muita gente pode achar que o plano de aula precisa ser feito somente para o ensino presencial, porém, até mesmo professores EAD precisam se familiarizar com a elaboração dele.

Confira a importância de se fazer um plano de aula para a qualidade de ensino do seu curso EAD.

O que é um plano de aula?

Em qualquer curso, o professor tem um papel muito importante: o de passar conhecimento e ajudar as pessoas em suas jornadas pessoais de aprendizado. Por isso, para potencializar o que é ensinado - e aprendido - na aulas, os professores devem elaborar um plano de aula.

O plano de aula é um documento no qual o professor irá registrar qual o tema da aula, quais são as expectativas de aprendizado dos alunos, qual será a metodologia utilizada, materiais extra, atividades de avaliação e muito mais. Basicamente, ele seguirá como um guia para tudo que irá acontecer naquela lição.

Qual a importância de um plano de aula para o EAD?

Um plano de aula não é importante somente para o ensino presencial, e acredite, ele pode ser ainda mais importante no EAD. Assim como alguns vídeos precisam de um roteiro, uma videoaula necessita de um plano de aula para guiar o professor (e os alunos) pela matéria ensinada.

Nas aulas presenciais é normal que os professores divaguem um pouco, contem casos, contem piadas e, no geral, fujam um pouco do tema em algum momento, porém, no EAD isso não costuma acontecer. Prender a atenção das pessoas por meio de um vídeo é muito mais difícil que presencialmente, então, os professores EAD devem se ater ainda mais ao planejamento de ensino.

Para que as aulas EAD tenham sucesso elas devem ser meticulosamente planejadas para que o entendimento e o aprendizado sejam potencializados.

Quais informações meu plano de aula deve conter?

Cada aula é diferente, mas em geral, os planos de aula seguem um mesmo padrão. Para formular o seu você deve pensar e documentar os seguintes passos:

  • Identificação: isso serve para sua organização. Você deve colocar a identificação da turma e a data, além do seu nome.
  • Tema e objetivo da aula: o que será abordado naquela aula? aqui, você deve colocar qual assunto será abordado, e não a matéria. Também, qual o objetivo que você quer ter alcançado ao final dela.
  • Conteúdo e metodologia: Na parte de conteúdo é importante fazer uma lista de todos os conteúdos que serão abordados. Para o EAD, o ideal é fazer aulas menores, então, uma boa dica é quebrar as videoaulas em conteúdos específicos. Quanto à metodologia, é importante escolher se a aula será mais discursiva ou prática, por exemplo.
  • Cronograma: às vezes um assunto é muito grande para ser abordado em somente uma aula, por isso, é importante analisar o cronograma que será necessário para cumprir toda a proposta.
  • Avaliação: você também precisará medir se o seu objetivo foi cumprido. Por isso, uma das últimas partes de um plano de aula é definir quais serão os métodos de avaliação utilizados. No EAD, por exemplo, você poderá enviar exercícios extra ou abrir uma discussão em um fórum.
  • Referências: por último, você deve anotar os textos e outras referências que você utilizou para montar aquela aula.

E pronto, com atenção e dedicação é possível montar um plano de aula simples e efetivo que irá melhorar a qualidade das suas aulas EAD.

 

 

Palavras-chave: plano de aula, EAD